• Cerca de 150 diplomas de cursos de ensino superior foram falsificados por quadrilha, diz PF

    A Polícia Federal divulgou nesta quinta-feira (22), que cerca de 150 diplomas de cursos de ensino superior foram falsificados nos estados do Maranhão, Tocantins e Piauí, pela quadrilha que emitia documentos falsos por meio de faculdades sem credenciamento no Ministério da Educação (MEC).

    Segundo a delegada Marília Bastos, as investigações sobre o esquema criminoso ainda estão sendo feitas, o que pode aumentar o número estimado pela Polícia Federal. Os falsos diplomas de cursos superiores eram emitidos por meio dos cursos de Pedagogia, Serviço Social, Administração, Educação Física e Letras.

    A operação Mandacius que investiga o grupo criminoso, foi deflagrada na quarta-feira (21), foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão ao todo, nas cidades de Buriticupu, Santa Inês, Imperatriz, Porto Nacional e Teresina. Uma pessoa foi presa em flagrante pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. Ainda durante a operação, quatro mandados de busca e apreensão, foram cumpridos em Teresina (PI). De acordo com a delegada Marília Bastos, como a investigação ainda está sendo feita, os locais da operação e os nomes dos alvos estão em sigilo.

    Deixe uma resposta